top of page

DIA DA COXINHA (18/05): Quais São Os Melhores Lugares Para Degustar a Iguaria?


Você sabia que no dia 18 de maio é celebrado o Dia Nacional da Coxinha?


O quitute, que é um dos mais amados e vendidos em todo o Brasil, ganhou um dia especial para chamar de seu.

Apesar das inúmeras versões, que existem atualmente, a tradicional coxinha, recheada com frango desfiado, vai bem em diversas ocasiões, caso das festinhas infantis e da happy hour com os amigos.

Segundo a historiadora Roberta Malta Saldanha, autora do livro “História, lendas e curiosidades da Gastronomia”, as deliciosas coxinhas de frango são parte da nossa história desde a época do Brasil Imperial.

Tudo teria começado com o filho da princesa Isabel, que era criado na fazenda por ser uma criança especial.


Ele tinha como comida preferida as coxinhas de galinha.


Um dia, ao notar que faltaria a comida preferida do filho da princesa, a cozinheira desfiou as outras partes do frango e as envolveu em uma massa.

Assim nasceu a coxinha, que conquistaria primeiro os nobres e depois seria popularizada na sociedade.

A verdade é que independente de sua origem, a tradicional coxinha de frango faz sucesso entre boa parte das pessoas e não pode faltar como petisco durante um bate-papo animado ou para beliscar entre uma bebida e outra, não é mesmo?

Em São Paulo, são inúmeros os locais em que é possível degustar uma saborosa coxinha de frango.

Que tal indicar pontos descolados, que sirvam o quitute, para que as pessoas possam celebrar o Dia da Coxinha?

Indicamos três casas super especiais, localizadas no coração da Vila Madalena, bairro mais boêmio da capital:

- Lili: considerada a maior e mais hypada casa da Vila Madalena! O Lili é um bar/balada que recebe um público, que tem uma predileção pelo universo artístico da Vila Madalena e que busca ‘por mais horas de rolê’.


O espaço conta com dois andares distribuídos em quatro ambientes instagramáveis, incluindo mezanino, camarote e pista, para melhor atender ao público. Há, ainda, um terceiro andar, com um camarote premium.

A qualidade de acústica e som é inigualável e um mega painel de Led também faz parte da estrutura do bar/balada para promover uma excelente experiência.

Outro ponto chave e de destaque na casa são os grafites assinados pelo artista Dicesar Love, garantindo ao Lili uma decoração que homenageia grandes nomes da arte.

A diversão rola solta, regada com os deliciosos drinks, gin & tonic, caipifrutas e, claro, pelos drinks autorais Lili.


A casa serve uma deliciosa porção de Coxinha de Frango (R$ 34,90), composta por 7 unidades do quitute, para aqueles que querem matar a fome depois de curtir muito funk e as setlists dos DJ’s residentes, que animam a galera, que é ‘inimiga do fim’ e permanece na casa até às 6h.


O pagode e o sertanejo, ao vivo, também têm vez e ganham espaço nas horas de diversão de quem frequenta a casa.


Endereço: Rua Aspicuelta, 436 – Vila Madalena


Horários: quintas e sextas, das 17h às 5h; sábados, das 13h às 6h; e domingos, das 13h às 4h

- Vila 567: é outra excelente opção de bar, que vira balada, para curtir com os amigos.

A casa é procurada por um público que ama a música sertaneja, mas não deixa de curtir um bom pagode, aproveita o batidão do funk e se diverte na pista com os DJ’s, ao som dos melhores hits do momento.


O ambiente com uma pegada industrial, tem 450m², isolamento acústico diferenciado e conta com um rooftop com teto retrátil, que torna as tardes e noites ainda mais agradáveis.

Dos dois bares, instalados nos dois pisos do bar/balada, saem coquetéis exclusivos e cervejas trincando.

Para beliscar, a saborosa porção de Coxinha de Frango (34,90) é uma excelente opção e chega às mesas com 6 unidades quentinhas.

A música ao vivo embala o clima de paquera e diversão e os camarotes garantem uma experiência única.

Além de tudo isso, dois painéis de LED ficam estrategicamente dispostos nos ambientes do Vila e exibem os principais jogos de futebol e eventos esportivos do momento.


Endereço: Rua Aspicuelta, 567 – Vila Madalena


Horários: terças e quintas, das 17h às 4h; sextas, das 17h às 5h; sábados, das 12h às 5h; e

domingos, das 12h às 2h.


- Boteco Todos os Santos: considerada a ‘casa mais alegre do mundo’ pelos seus frequentadores, o bar/balada é um dos mais tradicionais bares da cena paulistana e traz toda a brasilidade, malemolência e gingado do samba e do pagode para quem ama a Vila Madalena.


O espaço conta com painel de Led e mais de 10 televisores distribuídos de forma estratégica em todos os ambientes para que os visitantes possam acompanhar os jogos e eventos esportivos.

O público, eclético e de diversas faixas etárias, curte a noite em um ambiente bem colorido e repleto de ilustrações, que retratam os grandes nomes do samba brasileiro, como Arlindo Cruz, Jorge Aragão, Alcione e outros artistas.

A música ao vivo é uma das marcas do bar, que serve uma série de porções para acompanhar cervejas supergeladas, caipifrutas, gin & tonic, drinks e licores.


Um dos destaques é a porção de Coxinha de Frango (R$ 35,90), que é servida quentinha acompanhada pela maionese da casa.


Endereço: Rua Aspicuelta, 585 – Vila Madalena


Horários: quartas e quintas, das 17h às 4h; sextas, das 17h às 5h; sábados, das 12h às 5h; e

domingos, das 12h às 2h.






2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page